"A reflexão não tem lado predefinido e não se apoia em binarismos." Refletir sobre tudo é preciso, tendo a consciência prévia de que não existem lados a serem assumidos a priori. Posições devem ser decorrências de análises.
Procurar no site:
   Cidadania e Reflexão / Educação / A Lição de Casa da Cidadania (campanha)
Memorial do Cidadão
Cidadania
Educação
Política
Utilidade Pública
TVCR - Diálogos Contemporâneos
Entidades e Serviços
em destaque
EDITORIAL - ESTÁ NA HORA DE ACORDAR
Respondendo à contribuição de
Maria Rozani Gomes Ladeira / Facebook

"Quem pode reverter essa situação? Nós, população pobre e que será sempre a parte mais fraca, o que podemos fazer? Vcs postam esses assuntos, mas não indicam um caminho!"


Está proibido falar em democracia. Então, vamos falar da ditadura...
Comparando com a ditadura de 64, mãe dessa atual, estamos agora no período equivalente entre 1964 e 1968.
A inauguração da tal foi com a tomada de poder em 2016. Agora estamos nos encaminhando para o caos programado e preparado pela própria autoridade que deveria tomar conta do país e da normalidade. Teremos um novo AI-5, a qualquer momento, que já é publicamente defendido. Golpe não teremos, pois este já ocorreu. Teremos o aprofundamento do golpe. A cidadania como fica? - Dorme em berço esplêndido, até que lhe tomem o berço.
O país não é refém de um lunático, pelo contrário, é prisioneiro de uma estrutura articulada, programada, e que está executando seu programa sem resistência.
A resistência à ditadura muito possivelmente será o pretexto para que se faça o fechamento final do regime, assim como foi em 1968. Se não houver resistência a ditadura segue sua implantação normalmente. Caso o país acorde, a resistência será hipocritamente criminalizada para servir de justificativa para o novo AI-5. É isso que o povo escolheu com seu próprio voto.
O resultado, que já se pode observar, é um governo subserviente que entrega patrimônio público, renuncia à soberania nacional, empobrece a população e reprime a manifestação política. Paralelamente a isso, nega a ciência, promove preconceitos ultrapassados e tenta impor a todas e todos sua visão limitadíssima de mundo, querendo e forçando para que a população seja espelho de um grupo minoritário e ultrapassado.
A história se repete como um xerox, no qual a cópia é sempre pior do que o original. A alternativa é trabalhosa, mas definitiva: é plantar continuamente a consciência política da população para que suas escolhas sejam autênticas e não manipuladas, conduzidas. Demora, mas é o caminho seguido por países estáveis e desenvolvidos. É necessário em poucas palavras, estudar.

Respondendo à cara leitora, sugerimos, indicamos sim. Comecemos por estudar e entender o que são os campos políticos. Que ótimo que reagiu e propôs. É este caminho que a senhora indicou. Exatamente esse. Começa pelo entendimento de como funcionam os processos políticos.
Convido-a a assinar e acompanhar a página. Em alguns dias teremos a TVCR operando. Montamos um estudio e vamos dialogar com a população sobre conceitos básicos da política. A recuperação do país se faz de baixo para cima, ou seja, parte das pessoas comuns.
A história mostra que partidos e políticos, assim como todas as atividades humanas não são iguais. Não cabe a ninguém direcionar, mas sim sugerir que se aprenda e compare para que a partir do voto haja a recuperação do pais.
A história é transparente e apagar o passado é impossível. Pelos resultados se conhecem as intenções. Cabe a cidadania aprender sempre e escolher melhor.

Cidadania e Reflexão

O Artigo "EDITORIAL - ESTÁ NA HORA DE ACORDAR" está listado em "A Lição de Casa da Cidadania (campanha)"
Leia também:
Memorial do Cidadão
Aqui morrem seus direitos - você tem acompanhado?
Reforma Trabalhista passa na Comissão de Constituição e Justiça do Senado - Veja os votos.
Sobre Religião
Até onde vão os costumes? Até onde vai a religião?
Sobre o debate de costumes e religião
A Lição de Casa da Cidadania (campanha)
Ainda dá tempo
EDITORIAL - ESTÁ NA HORA DE ACORDAR















Quem somos Cidadania e Reflexão ® - Copyright Contato